Eixos

O colóquio Multimodalidades e espaços digitais: criar, comunicar, ensinar tem como objetivo contribuir para a reflexão a partir de dois eixos:

1: Criação, artefactos e ferramentas digitais

Enquanto formas de expressão artística e de comunicação complexas, em que os artefactos e os dispositivos digitais questionam o estatuto e as fronteiras da ficção, da realidade e do imaginário? Em que redimensionam os géneros, as redes de intertextualidades, de intericonicidades e intersonoridades? Podemos apreendê-las como um sintoma da hibridação dos universos culturais?

2: Didáticas, posturas, estratégias e metodologias

A capacidade de interpretar as criações digitais e interagir nos dispositivos de cocriação por elas previstas supõem competências de ordem cognitiva, afetiva, pragmática, semiótica e textual. Como integrar na aula as novas formas de literacia digital? Como transforma-las em objetos de ensino de um campo disciplinar definido (letras, línguas, artes)? Que posturas didáticas e usos escolares podem/poderiam resultar destas transformações? Qual o impacto das criações digitais na diversificação e otimização das práticas de aula?  Que práticas de leitura/espetadura (spectature)/produção induzem? Como acompanhar o.a.s alun.o.a.s na apreensão de estéticas digitais multimodais? Como favorecer uma postura crítica, responsável e baseada no exame consciente e rigoroso das linguagens e do sentido que produzem (Boutin et al., 2012)? Como situa-los politica e culturalmente (Livingstone, 2004)?